TV Câmara

SESSÃO SOLENE

segunda-feira, 17 Março, 2014 - 19:45

A Câmara Municipal de Florianópolis prestou homenagem na tarde de segunda-feira, 17 de março, ao Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina e ao Hospital de Caridade pelos relevantes serviços prestados à população da capital.

Em seu discurso o autor da homenagem e presidente da Câmara, César Faria, relembrou partes da história do Corpo de Bombeiros no estado catarinense e sua brilhante atuação, que a partir de 2010 ganhou reforço com a criação do serviço de resgate e salvamento com helicóptero por meio do Batalhão de Operações Aéreas.

Desde então, os Arcanjos 01 e 02, como são chamados os helicópteros que participam das atividades, já foram acionados para atender mais de 2800 ocorrências, 2400 pessoas foram socorridas ou salvas em 1960 horas operacionais voadas. Do total de atendimentos, 40% ocorreram em Florianópolis, principalmente na alta temporada quando aumenta o número de acidentes nas estradas, nas trilhas e no litoral catarinense. 

O vereador Deglaber Goulart, que requisitou a homenagem ao Hospital de Caridade, falou da importância do trabalho prestado pela unidade de saúde há 250 anos e agradeceu o atendimento recebido quando precisou dos serviços do Hospital. Em seu discurso o vereador contou os momentos difíceis que viveu no final do ano passado quando descobriu estar com câncer e do traballho de excelentes profissionais que foram fundamentais para que ele pudesse vencer a doença. 

A doutora Maria Tereza Choller, médica do Hospital de Caridade e Diretora Geral do Centro de Pesquisas Oncológicas (Cepon), destacou que, em 2013, de acordo com a Organização Mundial de Saúde surgiram 12 milhões de novos casos de câncer em todo o mundo. Mas, ressaltou que muitas pessoas conseguiram e cada vez mais conseguem superar a doença. Em todo o planeta mais de 32 milhões de pessoas combateram o câncer e sobreviveram. "Cabe a cada um de nós desmistificar a palavra e a doença e iniciar um trabalho de conscientização e prevenção para que mais pessoas possam enfrentar e vencer o câncer", lembrou a médica.